(48) 3222-2580

Acervo do centro de memória do Instituto Carl Hoepcke se mantem em crescimento constante

Instituto Carl Hoepcke esta preparando mais um grande fichário com dados trabalhistas de antigos empregados das empresas Hoepcke; Os documentos estão passando por processamento técnico e ao final serão incorporados ao acervo do Centro de Memória que a Instituição mantém.

foto-2

O processamento técnico realizado por funcionários do Instituto Carl Hoepcke consiste em intensa atividade na sala de higienização, removendo mecanicamente sujidades, grampos, fitas e quaisquer outros materiais que posam interferir na preservação e segurança desse material. É realizada uma indexação sucinta dos registros, o que possibilitará para o futuro, uma rápida recuperação da informação. Concluída essa etapa os documentos serão transferidos para a sala de acervos, onde serão mantidos em arquivos deslizantes com controle de temperatura e umidade, garantindo assim sua maior estabilidade e consequente longevidade.

foto-3

Ainda não há um numero exato de nomes, época e região geográfica que abrangem. Como a documentação estava dispersa, há mistura de datas e empresas, etc …mas o inicio do manuseio permite vislumbrar um importante fundo documental,  fonte de pesquisa para os estudiosos. Os documentos são remanescentes da fabrica de pregos, frigorifico, matriz, filiais, etc. Enfim, são muitos documentos que possibilitam subsidiar pesquisas multidisciplinares e assim ajudar a entender não só o desenvolvimento de um grupo empresarial, mas muito além disso, podem ajudar a entender o desenvolvimento humano, trabalhista, comercial e industrial, não só de Florianópolis, mas também de várias outras cidades como Laguna, Criciúma, Tubarão, Blumenau, Joinville, Lages, São Miguel do Oeste, Curitiba, São Paulo, etc., onde a empresa Hoepcke possuía filiais e colaborou para o desenvolvimento dessas regiões.foto-1